"No dia em que a flor de lótus desabrochou
A minha mente vagava, e eu não a percebi.
Minha cesta estava vazia e a flor ficou esquecida.
Somente agora e novamente, uma tristeza caiu sobre mim.
Acordei do meu sonho sentindo o doce rastro
De um perfume no vento sul.
Essa vaga doçura fez o meu coração doer de saudade.
Pareceu-me ser o sopro ardente no verão, procurando completar-se.
Eu não sabia então que a flor estava tão perto de mim
Que ela era minha, e que essa perfeita doçura
Tinha desabrochado no fundo do meu coração. "

Rabindranath Tagore








sexta-feira, 12 de outubro de 2012








"A vida, não tentes compreendê-la,
e então ela será como uma festa.
E que cada dia te aconteça
como a uma criança que, ao caminhar,
de cada sopro de vento
vai recebendo presentes de flores.

Apanhá-las e guardá-las,
nem nisso pensa a criança.
Tira-as devagar do cabelo
onde se sentiam tão bem,
e estende as mãos aos jovens anos
para receber novas flores."


Rainer Maria Rilke



2 comentários:

A Procura da Luz que Pretendo Beber! disse...

Bom dia menina!



"Doce sorriso, alegre indagar,
Olhos perdidos,
Sempre a buscar.
.
Atos sensatos, atos impensados,
Atos sem porquês,
Na busca de entender.
.
Amarga tristeza,
Ao ver adultos, que não compartilham
Deste doce sorriso e alegre indagar.
.
Ah , criança ..., doce sorriso, alegre indagar,
Olhos perdidos,
Sempre a buscar, que há de encontrar?"
.
(Marco Antonio)

Kelly disse...

Menino,

Um sorriso,
Um carinho,
Um abraço,
E um beijo!

Lindo dia pra ti!