"No dia em que a flor de lótus desabrochou
A minha mente vagava, e eu não a percebi.
Minha cesta estava vazia e a flor ficou esquecida.
Somente agora e novamente, uma tristeza caiu sobre mim.
Acordei do meu sonho sentindo o doce rastro
De um perfume no vento sul.
Essa vaga doçura fez o meu coração doer de saudade.
Pareceu-me ser o sopro ardente no verão, procurando completar-se.
Eu não sabia então que a flor estava tão perto de mim
Que ela era minha, e que essa perfeita doçura
Tinha desabrochado no fundo do meu coração. "

Rabindranath Tagore








segunda-feira, 27 de agosto de 2012







"O fato é que, sem que o saibamos, todos nós estamos enfermos de morte e é preciso viver a vida com sabedoria para que ela,
 a vida, não seja estragada pela loucura que nos cerca."




Rubem Alves



4 comentários:

Will Moa disse...

Sabedoria das boas sementes que nos são lançadas por alguns ventos da vida sempre tem poder de fecundar nossos jardins interiores...

Deixo um abraço, com carinho.

Kelly disse...

Will,

Com certeza. Sempre há boas sementes sendo lançadas, embora, nem sempre estejamos atento.

Obrigada pelo abraço.
Te mando outro.
Uma boa noite pra ti.

QUIM disse...

sem duvida..gosto do visual e os teus posts sempre de alta qualidade..saudades daqui..bj..boa semana.

Kelly disse...

Quim,

Obrigada pelo elogio e carinho. É muito bom ver você aqui novamente.

Semana linda pra ti também.
Beijo