"No dia em que a flor de lótus desabrochou
A minha mente vagava, e eu não a percebi.
Minha cesta estava vazia e a flor ficou esquecida.
Somente agora e novamente, uma tristeza caiu sobre mim.
Acordei do meu sonho sentindo o doce rastro
De um perfume no vento sul.
Essa vaga doçura fez o meu coração doer de saudade.
Pareceu-me ser o sopro ardente no verão, procurando completar-se.
Eu não sabia então que a flor estava tão perto de mim
Que ela era minha, e que essa perfeita doçura
Tinha desabrochado no fundo do meu coração. "

Rabindranath Tagore








sexta-feira, 20 de junho de 2014




"Eu não sei quando, mas sei que um dia, as pessoas amargas ficarão doentes, e elas precisarão da doçura de outras para se curar. Porque eu não conheço ninguém que tenha aprendido uma grande lição pelo amor. Todas elas adoeceram antes de entender que você deve dar o seu melhor, para receber de volta o mesmo."

Camila Heloise




Um comentário:

Argonauta021 disse...

a busca pela recompensa
torna a vida pesada e tensa
amar deve ser um favor que se faz
sem volta, sem cobrança, sem esperar
mas o amor não vive sozinho
precisa de amor para amar
mas o amor não vive sozinho
precisa amar, morrer, ressuscitar.