"No dia em que a flor de lótus desabrochou
A minha mente vagava, e eu não a percebi.
Minha cesta estava vazia e a flor ficou esquecida.
Somente agora e novamente, uma tristeza caiu sobre mim.
Acordei do meu sonho sentindo o doce rastro
De um perfume no vento sul.
Essa vaga doçura fez o meu coração doer de saudade.
Pareceu-me ser o sopro ardente no verão, procurando completar-se.
Eu não sabia então que a flor estava tão perto de mim
Que ela era minha, e que essa perfeita doçura
Tinha desabrochado no fundo do meu coração. "

Rabindranath Tagore








quarta-feira, 20 de julho de 2011

Precisa falar mais alguma coisa ??

5 comentários:

Luna Sanchez disse...

Nhoooooooooo...Adoro esses dois!

=)

Um beijo.

Dé Mattos disse...

O amor é mesmo simples demais, a gente é que espera por grandes gestos, grandes acontecimentos, grandes palavras, e as vezes o mais sincero do amor está naquilo que quase não se vê!

Beijo grande lindona!

Valdicéia Mendonça disse...

Que lindo!!!!
Concordo com a Dé em todas as letras.

Kelly disse...

O amor é simples mesmo ...a gente que enfeita...
Os detalhes é que fazem a diferença!
Beijos meninas do meu coração!!

Dé Mattos disse...

Vcs são umas lindas sabia?
Beijooo